Faltando menos de três semanas para o Festival Nacional de Flores de Cerejeira, em Washington, DC, os organizadores dizem que os preparativos estão a caminho e que não são impedidos pelas preocupações com o novo coronavírus, que atrapalha as viagens e a economia.

“Neste momento, o festival está avançando conforme o planejado. Estamos monitorando a situação de perto e continuamos tentando entender todos os fatos e informações que estão disponíveis para nós”, afirma Diana Mayhew, presidente do evento.

Artistas japoneses e uma delegação oficial do Japão geralmente participam de alguns dos eventos do Cherry Blossom Festival. Embora o país asiático tenha experimentado um surto de infecções, até agora o festival não teve conhecimento de nenhuma visita cancelada.

Um marco importante no planejamento do festival está a apenas um dia de distância. “Em 4 de março, o Serviço Nacional de Parques estará prevendo a data de floração, para que todos fiquem animados”, comenta Diana.

Publicidade

As visitas internacionais à capital do país podem ser afetadas pelo coronavírus, conforme autoridades ligadas ao turismo em DC, mas a maioria das pessoas que visitam o distrito e participam do festival são da área de DMV e de outros estados do país. “Ainda estamos incentivando as pessoas a virem para o festival … 92% dos turistas que vêm para Washington, DC, são dos EUA”, reitera a organizadora.

O festival começa no dia 20 de março, com o principal evento de arrecadação de fundos, a Pink Tie Party no Ronald Reagan Building. A cerimônia de abertura do festival está marcada para 21 de março no Warner Theatre, enquanto a National Cherry Blossom Parade será no dia 4 de abril.

(Com informações de WTop)

Publicidade