Autoridades de saúde da Virgínia emitiram um alerta na última sexta-feira (31), sobre possível exposição ao sarampo em vários lugares no norte do estado, bem como no Aeroporto Internacional de Dulles. O aviso foi enviado “com muita cautela”, segundo o Departamento de Saúde do estado, depois que um caso da doença foi registrado na semana passada.

O paciente esteve em Dulles, no Kabob Palace, em Arlington; no Greenhouse Grill, no Condado de Fairfax; no Residence Inn, em Gatehouse Road, na área de Falls Church; antes de chegar ao Inova Fairfax Hospital.

“As pessoas não devem ter medo de contrair sarampo, mas se alguém estava em um dos locais por onde a pessoa passou, recomendamos que entre em contato conosco no Departamento de Saúde do Condado de Fairfax e converse com um de nossos funcionários sobre sua exposição e também sobre se eles foram vacinados ou têm outras evidências de que estariam imunes ao sarampo”, orienta Ben Schwartz, médico epidemiologista do Departamento de Saúde do Condado de Fairfax.

“O sarampo se espalha através da tosse, espirros e contato com gotículas do nariz, boca ou garganta de um indivíduo infectado e é altamente contagioso”, disseram autoridades de saúde em comunicado à imprensa.

Publicidade
Curso de inglês

Schwartz explica que os pontos de exposição são contagiosos apenas por um período de tempo específico, que é enquanto a pessoa infectada está lá ou dentro de duas horas desde a sua saída.

Sintomas

Os sintomas incluem olhos lacrimejantes, nariz escorrendo, tosse persistente e febre de mais de 101ºF. Após três a sete dias, aparecem outros sintomas, como erupção cutânea que começa no rosto e se espalha por todo o corpo.

Por respeito à privacidade do paciente, não foram divulgados detalhes sobre suas condições de saúde.

(Com informações de WUSA)

Publicidade
CCA idiomas