Maryland adotou uma nova estratégia de testes e ações para combater os surtos de Covid-19 em empresas de processamento de aves e casas de repouso. Enquanto continua planejando a fase de recuperação, o estado terá como alvo isolar surtos e grupos de casos, redobrará a atenção e os recursos nas áreas de pico e aumentará os esforços de mitigação para impedir a propagação do vírus em outras regiões.

“Não estamos mais apenas jogando na defesa. Estamos na ofensiva contra esse vírus, atacando de todos os ângulos e com tudo o que temos”, resume o governador Larry Hogan.

“Estamos expandindo exponencialmente nossa capacidade de teste, permitindo-nos atacar os surtos, aglomerados e pontos de acesso mais agudos, incluindo asilos, e fornecer testes adicionais para nossos profissionais de saúde e socorristas”, detalha o governador.

Após a aquisição de 500 mil kits de um laboratório da Coreia do Sul e o progresso com o aumento da capacidade laboratorial, Maryland está lançando uma estratégia de expansão de testes focada em surtos e grupos de alta prioridade, incluindo casas de repouso, profissionais de saúde e socorristas, além da comunidade.

Os testes são oferecidos em áreas com maiores concentrações de casos, incluindo a ampliação dos locais drive-thru nas estações do Programa de Inspeção de Emissões de Veículos e um novo local de testes no Estádio Arthur W. Perdue, em Salisbury.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

Também está ativa uma operação para lidar com surtos nas indústrias de processamento de aves de Delmarva. Atualmente, Maryland tem 262 casos confirmados em laboratório de Covid-19 associados a avicultores, razão pela qual a taxa proporcional no Condado de Wicomico está entre as mais altas do estado, quase igual à cidade de Baltimore e maior que a do Condado de Baltimore.

O estado enviou epidemiologistas para as áreas afetadas para se concentrar no suporte a testes, rastreamento de contatos, saúde ocupacional, comunicações e divulgação. O local de testes no Estádio Arthur W. Perdue vai especificamente atender trabalhadores da fábrica de Perdue, em Salisbury, e da fábrica de processamento de Amick, em Hurlock.

Lares para idosos

Atualmente, os surtos em lares de idosos em Maryland representam 19% do total de casos positivos e 46% das mortes de Covid-19 do estado. O governador Hogan anunciou a nomeação do coronel Eric Allely, cirurgião estadual da Guarda Nacional de Maryland, para servir como oficial de Segurança e Conformidade de Emergência em asilos para garantir que essas instalações estejam em conformidade com a lei e os protocolos de segurança do estado.

O Departamento de Saúde de Maryland (MDH) também emitiu novas diretrizes para proteger residentes e funcionários em casas de repouso, incluindo teste de todos os residentes e funcionários de todas as instituições, independentemente de serem sintomáticos. Os lares de idosos serão priorizados com base em um surto iminente ou em um risco crescente de ameaça atual, e qualquer equipe que for positiva será imediatamente isolada.

Os cuidados ainda envolvem a avaliação diária dos residentes por um médico, enfermeiro, assistente médico ou técnico de enfermagem. Para esse trabalho, as equipes foram reforçadas. As informações são atualizadas regularmente para residentes, representantes de residentes e funcionários.

Publicidade
Curso de inglês