Em uma entrevista coletiva nessa quinta-feira (12), o governador Ralph Northam declarou estado de emergência na Virgínia, para lidar com o crescente surto de coronavírus. As autoridades estaduais de saúde anunciaram vários novos casos, elevando para 17 o número de pacientes com teste positivo para Covid-19, a doença causada pelo novo vírus.

A contagem total inclui dois cidadãos que viajaram para o Texas e testaram positivo para o vírus. Segundo as autoridades estaduais de saúde, todos os casos diagnosticados na Virgínia envolvem viagens internacionais ou contatos com pessoas que já haviam testado positivo para o vírus.

“A situação é fluida e está mudando rapidamente. Os cidadãos devem saber que temos planos de longa data para lidar com a pandemia”, afirmou o governador. A declaração de emergência permite a ele facilitar as regras regulatórias e coordenar mais facilmente com as autoridades federais.

Além disso, as conferências administradas pelo estado e os grandes eventos nos próximos 30 dias estão sendo cancelados, e Northam disse que as agências estaduais estão buscando implementar o teletrabalho para os funcionários do estado.

Conforme as autoridades de saúde, atualmente há kits de teste suficientes para realizar apenas de 500 a 600 testes no estado. “É claro, no entanto, que a cadeia de suprimentos do CDC é de fato limitada”, reconheceu Northam. Ele disse que a Virgínia está considerando o desenvolvimento de seus próprios kits de teste e analisando a possibilidade de testes drive-through.

Fairfax

No Condado de Fairfax, onde dois dos novos casos presuntivos foram confirmados, o presidente do Conselho de Supervisores, Jeff McKay, pediu aos moradores que procurassem fontes confiáveis ​​do governo ao buscar informações e continuar seguindo as diretrizes básicas de saúde.

O superintendente do sistema escolar do condado, Scott Brabrand, informou que o plano para as escolas públicas é monitorar e trabalhar com as autoridades de saúde para examinar os dados e ajudar a orientar com uma resposta diferenciada. As aulas foram suspensas nesta sexta-feira (13).

No início desta semana, o sistema escolar designou segunda-feira (16) como um “dia de desenvolvimento da equipe / férias dos estudantes”, para que os funcionários possam “se preparar para a possibilidade de ensino a distância em caso de fechamento das escolas.

No geral, quase 40 pessoas em DC, Maryland e Virgínia testaram positivo para coronavírus.

Igreja

Nessa quinta-feira, o Departamento de Saúde de Alexandria anunciou seu primeiro caso de coronavírus e o Departamento de Saúde de Arlington confirmou seu segundo caso. Ambos estão ligados ao surto em expansão vinculado à Igreja de Cristo Georgetown, em DC.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

O reitor da igreja deu positivo para o Covid-19 no fim de semana passado, tornando-se o primeiro caso no Distrito. Desde então, vários outros casos em DC e na Virgínia foram vinculados à igreja.

O paciente de Alexandria recentemente passou algum tempo na Capela de Emanuel do Seminário Teológico da Virgínia. O Departamento de Saúde disse que está entrando em contato com pessoas que podem ter sido expostas ao vírus entre 26 de fevereiro e 4 de março. Qualquer pessoa que visitou a capela nessas datas deve monitorar seus sintomas por 14 dias a partir de sua última visita, orientou o departamento.

No início desta semana, as autoridades de saúde do Condado de Loudoun informaram que um homem de 40 anos também testou positivo para o vírus depois de contrair o vírus de alguém na igreja de DC. E um segundo caso no condado é conhecido como um “contato próximo” com o primeiro.

Citando a “situação em rápida evolução”, o superintendente do sistema escolar do condado, Eric Williams, anunciou que todas as escolas fechariam na quinta (12) e na sexta-feira (13) e na próxima semana. Todas as atividades também foram canceladas. Por enquanto, os estudantes devem retornar em 23 de março.

Da mesma forma, as Escolas Públicas da cidade de Fredericksburg suspenderam as aulas entre esta sexta-feira e 22 de março.

Mais fechamentos

O Congresso está fechando o Capitólio e todos os prédios da Câmara e do Senado ao público, incluindo visitas, até abril. Legisladores, assessores e jornalistas ainda serão permitidos nos prédios.

A Metro declarou que está limpando trens e ônibus diariamente, mas não há mudanças de serviço no momento.

O Washington Wizards anunciou que jogadores, treinadores e outras pessoas irão se colocar em quarentena “pelos próximos três a quatro dias”, depois que a equipe encontrou o Utah Jazz no final do mês passado e um jogador do Jazz mais tarde deu positivo. A temporada da NBA foi suspensa temporariamente, assim como a Major League Soccer e a NHL.

O Smithsonian também cancelou todos os eventos públicos até 3 de maio. Os museus e o zoológico nacional permanecem abertos.

(Com informações de WTop)

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas