O Distrito de Columbia está reforçando sua rede de rastreamento de pessoas que tiveram contato com infectados pelo coronavírus. A prefeita Muriel Bowser dirigiu US$ 2,3 milhões do Fundo de Reserva Contingencial para contratações iniciais de funcionários para esse trabalho, sob responsabilidade do Departamento de Saúde (DC Health).

Nessa terça-feira (12), a DC Human Resources e a DC Health começaram a integrar os 17 primeiros rastreadores de contato da força-tarefa. A intenção é contratar 200 candidatos na primeira fase da expansão do serviço, sendo dez supervisores, 40 investigadores de casos e 150 rastreadores de contato.

Publicidade
Curso de inglês

No entanto, o Departamento de Saúde pode chegar a 900 funcionários executando esse serviço, sendo 45 supervisores, 180 investigadores de caso e 675 rastreadores de contato.

Até a presente data, o Governo do Distrito já direcionou US$ 194,7 milhões para os esforços de resposta e recuperação do Covid-19. Mais informações sobre a situação em DC podem ser obtidas aqui.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes