O governador Larry Hogan anunciou a abertura de quatro locais de testes de coronavírus em Maryland. Não há cobrança em nenhum desses postos, no entanto, os testes são estritamente limitados aos moradores encaminhados por um médico e já tiverem suspeita de contaminação.

Em coordenação com o Departamento de Saúde de Maryland, o Departamento de Transportes, a Administração Rodoviária Estadual, a Polícia Estadual e parceiros locais começaram a oferecer testes drive-thru para Covid-19 em três estações do Programa de Inspeção de Emissões de Veículos (VEIP) em Glen Burnie, Waldorf e Bel Air.

Um outro local de triagem e testes de coronavírus foi aberto no Condado de Prince George, no FedEx Field, em parceria com o Sistema Médico da Universidade de Maryland, a Guarda Nacional, a Polícia Estadual e a Polícia do Condado. Os residentes podem ligar para o Departamento de Saúde do Condado de Prince George em (301) 883-6627 para obter mais informações.

Hospitais

O governador também confirmou a chegada de ajuda da Agência Federal de Gestão de Emergências (FEMA) ao hospital de campanha do Baltimore Convention Center, que a Guarda Nacional de Maryland está atualmente construindo no local.

O estado também ajudou o Sistema Médico da Universidade de Maryland a iniciar as obras para reabrir o Hospital Laurel, com 135 leitos, que atualmente está contratando pessoal e equipamentos para a unidade hospitalar.

Foram encomendados, ainda, 500 pacotes de leitos adicionais para expansão no local, com opção de outros 500 leitos, que serão implantados com base na necessidade e na localização de quaisquer pontos de acesso de coronavírus.

Publicidade
CCA idiomas

O estado encomendou também 100 tendas médicas avançadas para fornecer mil leitos adicionais para expansão em hospitais e centros de convenções.

Maryland está em coordenação com o governo de Washington para garantir que a capacidade regional de surtos seja atendida com o envolvimento do MedStar e da Kaiser Permanente. A Kaiser está planejando aumentar outras 500 camas em toda a região, incluindo um aumento de 218 leitos em suas instalações em Maryland.

Economia

O governador Hogan atualizou o pacote de ajuda econômica de US$ 175 milhões que ele anunciou na semana passada. Ele autorizou um adicional de US$ 2 milhões ao Covid-19 Layoff Aversion Fund do estado, elevando esse fundo a um total de US$ 9 milhões.

Foram concedidos US$ 8,8 milhões a mais de 400 empresários em todo o estado para ajudar mais de 8 mil habitantes de Maryland que trabalham em pequenas empresas a manter seus empregos.

Mais de 5,3 mil solicitações foram enviadas para o fundo de alívio para pequenas empresas do estado e mais de 11 mil foram submetidas a novos subsídios. Informações e recursos sobre esses programas estão disponíveis em businessexpress.maryland.gov.

Famílias

O governador Hogan também emitiu uma ordem de emergência que suspende temporariamente qualquer requisito de que as famílias tenham que pagar prêmios ao Programa de Saúde Infantil de Maryland para que não percam a cobertura durante a crise.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes