Em resposta à pandemia de coronavírus, o governador da Virginia, Ralph Northam estendeu nessa quinta-feira (23) a proibição atual de cirurgias eletivas no estado por uma semana, até 1º de maio. O retorno do atendimento presencial nos escritórios do Departamento de Veículos Motorizados (DMV) também foi adiado por duas semanas, até 11 de maio. A Polícia Estadual da Virgínia foi orientada, ainda, a continuar suspendendo a execução das inspeções de veículos automotores e algumas licenças foram prorrogadas até 31 de julho.

A proibição de cirurgias eletivas seguirá enquanto o governador e o comissário estadual de saúde, Norman Oliver, continuam a avaliar, em conjunto com hospitais e outras instalações médicas, como aliviar com segurança as restrições de procedimentos médicos não essenciais e a disponibilidade de equipamentos de proteção individual.

“Minha principal prioridade é proteger a saúde pública, e isso inclui garantir que nossa equipe médica da linha de frente tenha o equipamento necessário para permanecer em segurança ao tratar os virginianos doentes”, afirma Northam.

“Aumentamos nosso suprimento de EPIs, mas antes de permitir a retomada das cirurgias eletivas, precisamos primeiro garantir que os médicos, enfermeiros e equipe médica que combatem esse vírus ou realizem cirurgias de emergência tenham os suprimentos necessários. Estamos trabalhando com instalações médicas em planos para garantir que possamos retomar cirurgias eletivas com segurança e responsabilidade”, sublinha o governador.

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas

A ordem de emergência de saúde pública não se aplica a nenhum procedimento se o atraso causar danos a um paciente. A medida também não se aplica a consultas ambulatoriais em clínicas hospitalares, serviços de planejamento familiar ou necessidades de emergência. O texto completo da ordem, com as alterações, está disponível aqui.

Segundo o governo, os hospitais continuam a tratar pacientes de emergência e realizam cirurgias essenciais, e os cidadãos podem se sentir seguros indo aos hospitais se estiverem enfrentando uma emergência médica, como um ataque cardíaco. O governador Northam também alterou a ordem executiva 57, para permitir que assistentes de médicos licenciados com dois ou mais anos de experiência clínica pratiquem sem um acordo de colaboração. O texto da ordem executiva pode ser consultado aqui.

Trânsito

O governador Northam também estendeu a ordem para fechamento dos 75 escritórios do DMV da Virgínia e suas unidades móveis ao público e estendeu a validade das carteiras de motorista e credenciais de veículos que deveriam expirar. A ação decreta que essas credenciais serão válidas até 31 de julho. Outros serviços estão disponíveis on-line.

Conforme a ordem do governador, a Polícia Estadual da Virgínia deve suspender a execução das inspeções de veículos a motor. Embora a polícia local ainda possa emitir citações para inspeções expiradas de veículos, a orientação é deixar de fazê-lo durante a pandemia. A diretiva está em vigor até 31 de julho.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes