A Virgínia foi aprovada para prosseguir com uma bolsa de seguro saúde estadual. A aprovação dos Centros de Serviços Medicare e Medicaid permite que o estado assuma algumas funções que agora são federais, começando com inscrições abertas em novembro, e coloca a Virginia em um caminho para o controle total até 2023.

“Essa aprovação não poderia vir em um momento mais crítico, enquanto continuamos a batalha contra a Covid-19. A administração Trump está fazendo todo o possível para destruir o Affordable Care Act e tirar famílias de seu seguro saúde, e uma bolsa estadual dará à Virgínia a autonomia de que precisamos para expandir o acesso aos cuidados e reduzir os prêmios. Como governador e médico, nunca vou parar de lutar por cuidados de saúde acessíveis e de alta qualidade”, afirma o governador Ralph Northam.

Ao estabelecer o Virginia Exchange, o estado pode implementar políticas para lidar melhor com os custos. Também poderá trabalhar diretamente com as seguradoras para atender às necessidades de cobertura de saúde de todos os residentes, incluindo pequenos empregadores.

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas

A Virgínia ainda poderá fornecer serviços de divulgação e inscrição mais direcionados e estender o tempo que os virginianos têm para se inscrever na cobertura, se necessário. Essas estratégias irão expandir o acesso aos cuidados de saúde e ajudar a aumentar a acessibilidade geral.

Aumentar o acesso aos cuidados de saúde tem sido uma das principais prioridades da administração de Northam. Mais de 452 mil habitantes da Virgínia se inscreveram na nova cobertura de saúde desde 2018, quando o governador lutou com sucesso para expandir o Medicaid no estado.

A expansão do Medicaid provou ser uma tábua de salvação importante para os virginianos durante esta pandemia de saúde, com mais de 125,6 mil residentes, incluindo 41,2 mil crianças, inscritos no programa desde que o estado de emergência foi declarado, em 12 de março deste ano.

Publicidade