O governador da Virginia, Ralph Northam, anunciou que o estado distribuirá US$ 644,6 milhões aos governos locais para ações de enfrentamento ao coronavírus, na segunda e última rodada de alocações. Os recursos federais são oriundos da Lei Cares e não incluem US$ 200,2 milhões que o Condado de Fairfax recebeu diretamente do governo federal.

A lei federal estabeleceu o Fundo de Ajuda a Coronavírus (CRF) para fornecer recursos aos estados e unidades elegíveis do governo local em resposta à pandemia. A Virgínia recebeu aproximadamente US$ 3,1 bilhões como parte do CRF de US $ 150 bilhões.

Embora a Lei Cares não exija que os estados distribuam fundos para governos locais com populações inferiores a 500 mil habitantes, o governador reconhece que cidades e condados de todos os tamanhos têm despesas relacionadas à crise de saúde pública e direcionou o dinheiro para essas localidades.

“A Virgínia foi um dos primeiros estados a fornecer uma parcela tão grande de sua ajuda federal diretamente aos governos locais. Estamos comprometidos em garantir que localidades de todos os tamanhos recebam a assistência necessária para responder à Covid-19 e manter os virginianos seguros durante esses tempos sem precedentes”, afirmou Northam.

Publicidade

Apoio às localidades

O secretário de Finanças, Aubrey Layne, enviou um memorando às cidades e condados da Virgínia em 12 de maio, descrevendo a distribuição da primeira rodada de alocações aos governos locais, totalizando US$ 644,6 milhões. Após o desembolso da segunda e última rodada de pagamentos, terá sido entregue 100% das alocações locais em verbas recebidas pelo estado sob a Lei Cares, totalizando US$ 1,3 bilhão às localidades.

“Os governos locais são responsáveis ​​por gastar o dinheiro que recebem, e precisamos que eles intensifiquem e garantam que esses dólares federais estejam indo para os lugares certos. As localidades devem poder demonstrar aos contribuintes que estão gastando esses fundos com sabedoria”, declarou o secretário.

O restante dos recursos será usado pelo estado em ações como apoio a instituições de longa permanência, no Programa de Aluguel e Hipoteca, ajuda a pequenas empresas e organizações sem fins lucrativos, escolas de ensino fundamental e médio, instituições de ensino superior, creches, programas de nutrição infantil e assistência social.

Publicidade