O governador Larry Hogan anunciou nessa terça-feira (3) que, com base na melhoria das métricas de saúde do estado, Maryland vai iniciar a terceira fase de seu plano de recuperação, com reaberturas adicionais seguras e graduais. Tal como acontece com os Estágios 1 e 2, a implementação ocorrerá por etapas, com uma abordagem flexível e baseada na comunidade que dá autonomia às jurisdições individuais para decidir a retomada das atividades.

“À medida que avançamos para o terceiro e último estágio de nossa recuperação, quero agradecer sinceramente aos nossos médicos, enfermeiros e funcionários de saúde pública, à nossa comunidade de pequenos negócios e, o mais importante, ao povo de Maryland, que se uniu ao longo do último cinco meses para responder a este desafio sem precedentes com incrível coragem e perseverança”, disse Hogan.

“É graças a todos vocês que superamos a curva e salvamos vidas, e que a resposta estadual a esta pandemia global continua a servir de exemplo para o resto da nação”, acrescentou.

Publicidade
Curso de inglês

A partir das 17 horas de sexta-feira (4), os teatros e cinemas estarão autorizados a funcionar, desde que a lotação não ultrapasse 50% da capacidade ou a acomodação de 100 pessoas por auditório (o que for menor), com protocolos apropriados de saúde e segurança em vigor.

Os locais ao ar livre onde ocorrem performances ao vivo ou a exibição de filmes também poderão retomar as atividades ao público em geral, com 50% da capacidade ou 250 pessoas, também seguindo as normas estabelecidas pelas autoridades de saúde.

A capacidade para atendimento ao público em estabelecimentos de varejo e instalações religiosas também será aumentada, de 50 para 75%.

Publicidade
Curso de inglês