O Distrito de Columbia encerrará o uso do Days Inn, o último hotel local transformado em abrigo de emergência para hospedar moradores de rua. Essa transição é um marco importante do Homeward DC, o plano estratégico do distrito para acabar com os desabrigados.

“Quatro anos atrás, lançamos um plano que representa nossos valores. Ao seguir esse plano, e com o apoio de nossos parceiros da comunidade, fizemos um tremendo progresso para acabar com a falta de moradia das famílias e dar a todas as famílias o apoio que elas merecem”, afirma a prefeita Muriel Bowser.

“O que sabemos com essa experiência é que, quando construímos soluções em toda a cidade para os desafios de toda a cidade, podemos construir um DC mais justo e equitativo, que oferece melhores oportunidades para mais famílias”, completa.

Em outubro de 2018, a prefeita cumpriu a promessa de fechar o DC General Family Shelter de uma vez por todas, pois era muito grande, muito antigo e muito isolado para servir às famílias.

Em seu lugar, programas menores de habitação familiar de curto prazo foram construídos em toda a cidade, proporcionando habitação de emergência no bairro com serviços abrangentes, segurança 24 horas por dia, sete dias por semana, e um ambiente seguro. Seis dos sete abrigos familiares já estão abertos, com o último local programado para abrir ainda este ano.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

Com a inauguração desses novos abrigos, que proporcionam um ambiente mais favorável e digno para as famílias se recuperarem, o Distrito conseguiu avançar com os planos de descontinuar o uso de hotéis como abrigos de emergência.

Em julho de 2020, foi encerrado o uso do Quality Inn como abrigo de emergência para as famílias sem-teto. Já as que residem atualmente no Days Inn continuam a receber suporte com gerenciamento de casos, apoio para busca de moradia e assistência para aluguel para a transição para lares permanentes.

As famílias incapazes de alugar uma moradia permanente terão uma colocação em um programa de moradia familiar de curto prazo ou abrigo em estilo apartamento. “Esta conquista é um testemunho do trabalho conjunto do governo distrital, dos parceiros e da comunidade para melhorar a forma como servimos às famílias”, considera a diretora do Departamento de Serviços Humanos, Laura Zeilinger.

Desde o lançamento do Homeward DC, em 2016, o Distrito reduziu o número geral de desabrigados em mais de 11% e reduziu o número de famílias em 48,5%. O progresso foi feito por meio de uma estratégia de três frentes delineada no plano, incluindo investimentos históricos em habitação de apoio, reforma de abrigos e o trabalho do Programa de Prevenção de Sem-teto, que forneceu gerenciamento de casos e assistência de aluguel para mais de 7,5 mil famílias.

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas