Novas restrições serão adotadas na Virginia, para mitigar a disseminação de Covid-19. As medidas valem para a região de Hampton Roads, que registrou um aumento recente de novos casos de coronavírus, hospitalizações e testes positivos, sendo aplicadas às cidades de Virginia Beach, Chesapeake, Norfolk, Suffolk, Portsmouth, Hampton, Williamsburg, Newport News, Poquoson, James City County e York.

A partir da meia-noite de sexta-feira (31), as restrições proibirão a venda, o consumo e a posse de álcool no local após as 22 horas, em qualquer bar, restaurante, praça de alimentação, cervejaria, microcervejaria, destilaria, vinícola ou sala de degustação.

Todos os restaurantes e estabelecimentos que vendam refeições, praças de alimentação, cervejarias, microcervejarias, destilarias, vinícolas e salas de degustação devem fechar à meia-noite.

As refeições internas nesses estabelecimentos serão limitadas a 50% da capacidade. Serão proibidas reuniões presenciais públicas e privadas com mais de 50 pessoas, abaixo do limite anterior de 250 pessoas.

Publicidade

“Embora as métricas de saúde permaneçam amplamente estáveis ​​em quatro das cinco regiões de saúde da Virgínia, estou preocupado com o recente aumento de casos em Hampton Roads. Essas decisões são necessárias para proteger a saúde pública e evitar surtos de vírus adicionais. Não hesitarei em fazer o que for necessário para manter os virginianos seguros”, afirma o governador Ralph Northam.

Nessa terça-feira (28), ele se reuniu com a médica Deborah Birx, coordenadora de resposta a coronavírus da Força-Tarefa da Casa Branca, e solicitou assistência federal para aumentar a capacidade de testagem no estado e reduzir o tempo de espera.

Bares

Embora a lei da Virgínia não faça distinção entre restaurantes e bares, o toque de recolher às 22 horas para venda e consumo de álcool, além das restrições atuais de assentos ou congregação em áreas internas, fecha efetivamente os bares da região. Os indivíduos que optarem por consumir álcool antes das 22 horas devem ser servidos em um restaurante e permanecer sentados a mesas a um metro e meio de distância umas das outras. A Virgínia exige coberturas faciais em ambientes públicos internos em todo o estado desde 29 de maio.

A porcentagem de testes positivos em todo o estado caiu para 7,3% e permanece bem abaixo de 10% nas regiões Norte, Noroeste, Sudoeste e Central de Saúde. A região Leste, que inclui Hampton Roads, tem uma taxa de positividade percentual de 10,8%.

Publicidade
HOTMART (Inglês com Filmes)