O brasileiro Joanisson de Souza, de 31 anos, morador em Newark (NJ), foi preso na terça-feira (31), acusado de ter agredido uma mulher grávida, fazendo com que ela entrasse em trabalho de parto e perdesse o bebê. A agressão ocorreu na manhã de segunda-feira (30).

Ele vai responder por violência doméstica, agressão com agravantes, uso ilegal de arma, resultando no nascimento prematuro e morte do feto.

As autoridades de segurança foram contatadas pelo Hospital Universitário (UMDNJ), depois que uma gestante procurou atendimento médico, detalhou a polícia. Ela deu à luz prematuramente e a criança faleceu.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

Souza estava foragido, mas foi encontrado escondido num motel na cidade vizinha de Elizabeth (NJ), o Spring Lane Motel. Ele não enfrenta a acusação de homicídio porque, diferente de 38 estados americanos, New Jersey não possui lei para homicídio fetal.

 

(Com informações de Brazilian Voice)

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes