Embora o plano das Escolas Públicas do Condado de Carroll (CCPS), Maryland, tenha definido pelo início do aprendizado híbrido em 19 de outubro, o modelo será adotado apenas nos níveis da educação básica, pois o Conselho de Educação votou nessa quarta-feira (14) pelo adiamento da retomada das atividades presenciais nas instituições de ensino médio.

A reunião também incluiu a decisão de começar os esportes somente em dezembro e revisar o calendário escolar proposto para 2021-22, para que o primeiro dia de aula não cai em um feriado judaico.

O superintendente Steve Lockard recomendou que os membros do conselho adiassem a reabertura de escolas de segundo grau para que o CCPS mantenha um forte nível de instrução enquanto preenche o vazio criado pelos educadores que estarão tirando licença.

O conselho votou unanimemente pelo adiamento da abertura do ensino híbrido no nível do ensino médio, marcando a data de início para 12 de novembro, primeiro dia do segundo trimestre. Lockard disse ao conselho que se sentiria mais confortável esperando para não comprometer a integridade acadêmica.

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas

Os conselheiros expressaram decepção com o fato de as escolas de ensino médio não abrirem junto com as demais na segunda-feira, data que o conselho aprovou em agosto, mas disseram que entendiam a justificativa e elogiaram a equipe do CCPS pelas longas horas dedicadas à preparação para aprendizagem híbrida.

Calendário

Lockard propôs um calendário revisado que permite que o ano escolar de 2021-22 comece em 8 de setembro de 2021, em vez de 7 de setembro, que é durante o Rosh Hashanah – parte dos Grandes Dias Sagrados da fé judaica. Lockard disse que a proposta original, que foi apresentada ao conselho no início de setembro, foi recebida com feedback do público e ainda está em vias de ser votada em novembro.

(Com informações de Baltimore Sun)

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes