As Escolas Públicas de DC não oferecerão mais o ensino presencial para alunos no início do segundo bimestre. O anúncio foi feito em uma série de posts da conta do sistema escolar no Twitter e do chanceler Lewis Ferebee nessa segunda-feira (2). A retomada estava prevista para 9 de novembro.

“Embora o DCPS planejasse oferecer aprendizagem presencial no início do segundo bimestre para alunos selecionados do ensino fundamental, esse cronograma precisará ser ajustado”, dizia um tweet do sistema escolar. Isso significa que todos os alunos do pré-escolar ao ensino médio continuarão com o aprendizado remoto.

Em outubro, Ferebee anunciou um plano de três opções, que incluiria alunos do ensino fundamental retornando a algum tipo de ensino presencial no início do segundo bimestre. Os alunos deveriam ser separados em pequenos grupos ou turmas de cinco a 11 estudantes cada.

Publicidade

Uma segunda opção teria aberto espaço para 14 mil assentos para o que os funcionários da escola chamam de “Salas de aula do Student Care”. Essa opção designaria membros da equipe para aconselhar os alunos à medida que completavam suas tarefas virtuais em uma sala de aula, em vez de em casa. O funcionário não seria um professor.

“Ouvimos comentários de muitos em nossa comunidade sobre os planos #ReopenStrong e usaremos este momento para ajustar nosso cronograma e planos de pessoal para a reabertura”, informou Ferebee em um tweet. Uma reunião na prefeitura na quarta-feira (4), às 17 horas, vai discutir a decisão.

(Com informações de Fox 5)

Publicidade