Uma série de reduções de serviço da OmniRide pode ser o primeiro sinal de problemas de longo prazo para a operadora de transporte público, com o dinheiro federal que ajudou a manter o serviço durante a pandemia de Covid-19 chegando ao fim. Na semana passada, a Comissão de Transporte de Potomac e Rappahannock, que opera o serviço de ônibus, anunciou que uma série de mudanças entrará em vigor no dia 2 de novembro, com o objetivo de reduzir despesas.

Três rotas de transporte regional – Dale City para Mark Centre, Lake Ridge para Mark Centre e Woodbridge VRE para Tysons Corner – serão suspensas até novo aviso. Uma série de outras linhas de passageiros vai operar com horário reduzido, incluindo três linhas de Dale City, Haymarket para Rosslyn, Gainesville para Washington e a linha South Route 1.

Um porta-voz da OmniRide disse que as mudanças e os níveis de serviço permaneceriam em vigor até a reavaliação, em 2021. Margaret Franklin, presidente do conselho da PRTC e supervisora ​​distrital de Woodbridge, explicou que as medidas têm como objetivo ajudar o provedor a evitar possíveis reduções na folha de pagamento, em meio a receitas mais baixas durante a pandemia.

O financiamento da Lei Cares manteve o serviço de transporte completo durante os últimos meses, mas acabará no final do ano. Sem outro acordo no Congresso que ajude a eliminar a lacuna orçamentária no próximo ano fiscal, provavelmente seriam necessários mais cortes e dispensas de serviços.

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas

“Para manter um nível de estabilidade financeira, cortar algumas das rotas que não estão recebendo tantos serviços faz mais sentido. Faremos coisas assim até chegarmos a um lugar onde temos que tomar algumas decisões mais terríveis. Agora estamos bem, mas temos que fazer coisas assim para não chegar ao vermelho”, justifica Margaret Franklin.

Dificuldades

A operadora de metrô WMATA, que é muito maior, está enfrentando seu próprio déficit orçamentário de US$ 212 milhões em 2021, que pode afetar até 1,7 mil funcionários. Em toda a região e em todo o país, o número de passageiros em ferrovias sofreu um impacto maior com a pandemia do que o número de viagens em ônibus, mas a OmniRide viu um declínio significativo, com muitas pessoas que trabalham em Washington estando em home office.

A porta-voz da OmniRidge, Alyssa Ludwiczak, informa que o número de passageiros em geral caiu 80%. Para as três rotas que foram cortadas, a redução da demanda ficou em cerca de 90%.

(Com informações de Inside Nova)

Publicidade
Curso de inglês