O governo de Maryland vai aportar mais US$ 250 milhões para impulsionar a recuperação econômica do estado. O dinheiro virá do Rainy Day Fund e vai ajudar diretamente restaurantes, pequenas empresas, locais de entretenimento, organizações artísticas e cidades em todo o estado impactados pela pandemia.

A iniciativa dobra o compromisso total do estado com o alívio econômico emergencial para US$ 500 milhões. “Dirigi toda a nossa equipe em cada agência para garantir que esse financiamento tão necessário chegue aos nossos cidadãos e pequenas empresas o mais rápido possível. Também pretendemos trabalhar em estreita colaboração com nossos parceiros locais para que possam ajudar a rapidamente colocar esse dinheiro nas mãos de quem mais precisa”, declara o governador Larry Hogan.

Publicidade

O pacote de ajuda fornecerá uma terceira parcela do subsídio de alívio para pequenas empresas e incluirá subsídio direto para restaurantes para capital de giro, pagamento de aluguel e compra de equipamentos, custeio da expansão de oferta de refeições ao ar livre, serviços de higienização, compra de equipamentos de proteção individual, aquisição de tecnologia para serviços de entrega e melhorias de infraestrutura

Além disso, o Departamento de Habitação e Desenvolvimento Comunitário vai apoiar as empresas mais afetadas e locais de entretenimento dentro das organizações da Main Street em Maryland. Também haverá mais recursos para impedir as demissões, empréstimos a juros mais baixos para pequenas empresas, subsídios especiais para organizações artísticas e artistas e incentivos ao turismo local.

Publicidade