O governo da Virgínia garantiu opções de ajuda para mais de 200 mil pessoas com empréstimos estudantis particulares. O alívio no pagamento é o resultado de uma nova iniciativa dos estados para trabalhar com os principais servidores privados de concessão, a fim de expandir as proteções para os mutuários federais por meio da Lei de Auxílio a Coronavírus, Alívio e Segurança Econômica (Cares).

“Os virginianos estão enfrentando dificuldades sem precedentes como resultado dessa crise de saúde pública em andamento, e os mutuários de empréstimos para estudantes não devem ter que lidar com a pressão adicional de como vão fazer seus pagamentos”, argumenta o governador Ralph Northam.

“Esta iniciativa fornecerá uma importante linha de vida financeira e flexibilidade de pagamento para os residentes da Virgínia que não eram elegíveis para alívio ao abrigo da Lei Cares”, explica.

A lei federal Cares forneceu alívio muito necessário para estudantes com empréstimos federais, incluindo a suspensão de pagamentos mensais, juros e atividades de cobrança involuntária até 30 de setembro de 2020. No entanto, milhões de mutuários com empréstimos concedidos por credores privados e empréstimos federais não pertencentes ao governo dos Estados Unidos foram deixados de fora.

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas

Sob essa iniciativa, os virginianos com empréstimos do Federal Family Education Loan (FFEL), empréstimos Perkins ou empréstimos estudantis de capital fechado que estejam lutando para efetuar seus pagamentos devido à pandemia do Covid-19 em curso serão elegíveis para a ajuda. Os mutuários que precisam de assistência devem entrar em contato imediatamente com seu agente de empréstimos estudantis para identificar as opções adequadas às suas circunstâncias.

As opções incluem: fornecer um mínimo de 90 dias de tolerância; isenção de taxas de atraso de pagamento; garantir que nenhum mutuário esteja sujeito a relatórios de crédito negativos; cessar ações de cobrança de dívidas por 90 dias; trabalhar com o mutuário para inscrevê-lo em outros programas de assistência, como reembolso com base na renda

Mais informações

Os mutuários que tiverem problemas com o prestador de empréstimos para estudantes ou que desejam entender melhor as implicações dessas opções de ajuda são incentivados a entrar em contato com o advogado de empréstimos para estudantes da Virgínia, no e-mail studentloan@schev.edu ou pelo telefone (804) 786-2832.

Mais informações sobre opções de ajuda para tomadores de empréstimos federais podem ser obtidas neste endereço.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes