A polícia de Manassas Park, na Virginia, identificou o responsável pelo trote que levou sua equipe da SWAT a cercar uma casa na última sexta-feira (1º). De acordo com as autoridades, um adolescente de Milwaukee (Wisconsin) fez a ligação com a falsa denúncia de um tiroteio.

A chamada foi feita inicialmente para o Departamento de Polícia de Fredericksburg. Segundo o relato, o interlocutor ligou para o escritório administrativo alegando que houve um tiroteio em uma casa em Sandstone Way e que a vítima era seu pai.

O departamento redirecionou a chamada então para o distrito correto, em Manassas Park, levando-os a enviar oficiais e SWAT para o endereço fornecido pelo denunciante não identificado, no quarteirão 8400 da Sandstone Way.

Quando os agentes entraram na casa, não havia ninguém dentro. “É sobre a nossa segurança e é por isso que eles fazem isso”, disse Maurice Mawel, que foi informado pela escola de seu filho que os alunos estavam sendo mantidos lá dentro enquanto o caso se desenrolava.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

“Eles estão fazendo o trabalho deles”, continuou o pai. “Isso mesmo, não estou reclamando. Isso é bom porque um bandido pode estar no meu bairro e precisa ser pego pela polícia, então não sou contra isso”, afirmou.

A polícia disse que o caso permanece sob investigação, pois continua a trabalhar com o departamento de polícia de Milwaukee, onde vários aparelhos eletrônicos também foram confiscados de um apartamento onde o jovem possa estar morando. O suspeito pode responder por convocar falsamente ou fornecer um relatório falso às autoridades policiais, provocando uma resposta da polícia – junto com outras possíveis acusações.

 

(Com informações de Fox 5)

 

 

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes