Três brasileiros são acusados de conexão com um caso de fraude de cartões de crédito no condado de Cumberland, na Pensilvânia. De acordo com a polícia, os suspeitos também podem ter praticado o crime em várias outras comunidades no Susquehanna Valley.

A máquina de clonagem de cartão foi descoberta no mês passado, em um caixa eletrônico dentro de um Sheetz, ao longo de Carlisle Pike, perto de Mechanicsburg. A polícia relatou que os suspeitos estão sob custódia e podem estar conectados a vários casos ao longo da Costa Leste.

As autoridades confirmaram que os três são brasileiros e foram presos em Charlottesville, na Virgínia. Eles serão transferidos para à Pensilvânia para enfrentar acusações feitas pela polícia de Silver Spring Township.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

Investigadores disseram que a van em que os suspeitos estavam foi marcada como um veículo criminoso, alertando a polícia em todo o país. Quando os suspeitos foram pegos, na tarde de segunda-feira (27), tinham todo o equipamento necessário para fabricar cartões bancários falsos.

Os investigadores afirmaram que têm um vídeo de vigilância do Sheetz que mostra os suspeitos instalando a máquina de clonagem e uma câmera, e depois eles removem o material. A polícia acredita que os homens agiram na área por cerca de seis semanas. Os brasileiros foram flagrados por câmeras em pelo menos três condados, onde faziam saques em lojas de varejo.

 

(Com informações de Brazilian Times)

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes