A aprovação final do conselho do orçamento do ano fiscal de 2020 nessa terça-feira (28) reverteu o curso em uma medida que reduziria drasticamente o financiamento da cidade ao United Medical Center, único hospital público de DC, a leste do rio Anacostia.

A unidade hospitalar indicou que precisa de US$ 40 milhões para evitar cortes nos serviços. Entretanto, as propostas orçamentárias nas últimas semanas teriam proporcionado ao hospital falido US$ 15 milhões em subsídios no ano que vem.

Depois que todas as emendas foram ouvidas e votadas, o subsídio em 2020 será de aproximadamente US$ 22,1 milhões. Entre os que defenderam o financiamento, o argumento que a falta de pessoal e de suprimentos no hospital coloca em risco a vida dos moradores mais pobres, mais doentes e predominantemente negros da cidade.

Publicidade
Curso de inglês

“Não há argumento de que este hospital tenha sido mal administrado”, disse Elissa Silverman, membro do conselho geral. “A questão é garantir que tenhamos serviços hospitalares que atendam às necessidades de nossos residentes até que o novo hospital seja construído”, apontou.

(Com informações de WTop)

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas