Conforme estudos recentes, mais de 100 mil imigrantes indocumentados atravessaram a fronteira entre Estados Unidos e México nos últimos 30 dias. Ainda, segundo o relatório divulgado pelo Departamento de Imigração e Alfândega (ICE, sigla em inglês), os agentes estão realizando cerca de 4,5 mil detenções por dia. Isso significa o número mais alto em mais de uma década.

Mas o novo chefe da agência, Mark Morgan, afirma que a administração Trump trabalha para aumentar as prisões e deportações de famílias imigrantes que vivem ilegalmente no país. De acordo com ele, haverá um tipo de abordagem mais agressiva em todas as regiões onde há pessoas vivendo ilegalmente no país. “Será muito mais rigorosa que a atual”, garante.

O diretor em exercício afirmou que a agência está se preparando para melhorar o plano de seu antecessor e que o foco principal será milhares de famílias que desobedeceram a ordens judiciais para deixar o país.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

O novo chefe do ICE é um ex-agente do FBI e chefe da Patrulha de Fronteira. Ele foi contratado em uma época que Trump já se mostrou irritado com a incapacidade do governo de impedir o número recorde de travessias ilegais pela fronteira mexicana.

 

(Com informações de Brazilian Times)

Publicidade
Curso de inglês