O governador do Kentucky, Andy Beshear, recusou uma oferta do governo do presidente Donald Trump para interromper o reassentamento de refugiados.

O governador democrata escreveu em uma carta esta semana ao secretário de Estado americano Mike Pompeo que Kentucky aceita refugiados há mais de três décadas.

Beshear disse que os refugiados em várias cidades contribuíram para a força de trabalho e o desenvolvimento econômico do estado.

Cerca da metade dos estados concordou em continuar aceitando refugiados.

Publicidade
CCA idiomas

Até agora, nenhum Estado disse que planeja parar de aceitar refugiados sob a ordem de Trump.

O governador do Tennessee, Bill Lee, anunciou uma decisão semelhante no início de dezembro, eo prefeito do condado de Knox, Glenn Jacobs, divulgou uma declaração expressando seu apoio ao programa.

 

(Com informações de Assossiated Press)

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas