Um fabricante está recolhendo até 53 mil ônibus escolares em todo o país, incluindo centenas pertencentes às Escolas Públicas do Condado de Montgomery, em Maryland. A Daimler Trucks North America emitiu o recall voluntário como medida preventiva, porque os encostos dos bancos podem não ter estofamento suficiente para proteger adequadamente os passageiros em um acidente.

Cerca de 800 dos mais de 1,3 mil ônibus da frota das Escolas Públicas do Condado de Montgomery são afetados. “Pelo que entendemos, o risco é muito pequeno. Mas com qualquer coisa relacionada à segurança dos alunos, queremos responder rapidamente, e é isso que estamos fazendo”, afirma Gboyinde Onijala, porta-voz do sistema escolar.

Segundo ela, os ônibus afetados permanecerão em operação até que as atualizações de segurança possam ser feitas, e o sistema escolar espera concluir todas as correções até o final do ano letivo, em junho.

“Trabalharemos em estreita colaboração com o fabricante para resolver os reparos necessários; a falta de preenchimento suficiente ao redor da estrutura de metal dos assentos”, detalha.

Publicidade
Curso de inglês

É uma história diferente para as Escolas Públicas do Condado de Fairfax, na Virgínia, onde a porta-voz Lucy Caldwell disse que seu distrito não é afetado pelo recall.

Enquanto isso, o campo da segurança dos ônibus escolares está evoluindo e as Escolas Públicas do Condado de Montgomery começaram a comprar ônibus equipados com cintos de segurança. Foram adquiridos cerca de 50 durante o verão.

“Nossos ônibus têm um ciclo de vida de cerca de 12 anos; portanto, quando começamos a substituir e comprar novos ônibus no final de seu ciclo de vida, nosso objetivo é comprar ônibus com cintos de segurança instalados”, declara Gboyinde Onijala.

 

(Com informações de WTop)

 

 

 

Publicidade
Curso de inglês