Algumas semanas atrás, começou a discussão em torno da chamada “faixa de pedestres para lugar nenhum” em Bethesda, Maryland. Moradores dizem que um projeto de construção próximo ao cruzamento das avenidas Wisconsin e Chase tornou quase impossível atravessar a rua com segurança, porque a faixa de pedestres pintada chegava a um beco sem saída na zona de construção.

Isso deixou os pedestres sem escolha, a não ser percorrer as faixas de rodagem, esquivando-se de carros enquanto tentavam passar de um lado da estrada para o outro. Mas o Departamento de Transportes das Rodovias Estaduais de Maryland (MDOT SHA) diz que foram feitas alterações.

O órgão informa que recentemente pediu ao empreiteiro responsável pelas obras que movesse a faixa de pedestres, para tentar garantir que uma travessia segura seja mantida naquele cruzamento.

Publicidade
Curso de inglês

A nova localização da faixa de pedestres fica um pouco mais longe do canteiro de obras e fornece um caminho direto para a calçada. “Ajudou, porque você não precisa atravessar onde não há faixa de pedestres. Antes, era como se você fosse bater em um carro. Então isso é melhor”, avalia Dan Styslinger, que atravessa a avenida Wisconsin cerca de seis dias por semana naquele local.

Alguns expressaram frustração por a mudança não ter sido feita antes. “Estou feliz que eles fizeram isso. Finalmente! Levaram uma eternidade”, comenta Charles Romaine. “Eles não mudaram isso até recentemente, mas havia sido assim por seis a nove meses antes disso”, relata. O MDOT SHA disse que continuará a trabalhar com a comunidade para tentar melhorar a segurança e a mobilidade nessa área.

 

(Com informações de WJLA)

 

 

Publicidade
Curso de inglês