O Disney+ foi lançado com muito alarde nessa terça-feira (12), mas imediatamente passou por alguns solavancos. Os fãs que desejavam desfrutar de todo o conteúdo que o novo serviço de streaming da empresa tinha para oferecer foram recebidos por páginas de erro estreladas pelos próprios personagens da Disney.

“Não foi possível conectar ao Disney+”, dizia uma página de erro. “Parece haver um problema de conexão com o serviço Disney+”, apontava outra. Uma delas ainda mostrava Mickey Mouse e seu cachorro Pluto como astronautas abandonados olhando para o espaço.

“A demanda do consumidor pelo Disney+ excedeu nossas altas expectativas. Estamos satisfeitos com esta resposta incrível e estamos trabalhando para resolver rapidamente o problema atual do usuário. Agradecemos sua paciência”, disse um porta-voz da Disney+ em comunicado distribuído à imprensa.

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes

Usuários nas mídias sociais relataram uma série de dificuldades ao iniciar o aplicativo e assistir ao conteúdo no serviço. “Apresentando o Disney+ Premium! Por uma pequena taxa de atualização de US$ 15 por mês, você pode desfrutar do nosso vasto catálogo de filmes e séries de televisão sem o incômodo de nada disso funcionar”, twittou Richard Lawson, principal crítico da Vanity Fair.

O começo difícil para a Disney+ é embaraçoso para a empresa, considerando a atenção em torno do lançamento do serviço, primeira investida da Disney na “guerra do streaming”, nas quais empresas de mídia como WarnerMedia e Comcast, bem como gigantes de tecnologia como Apple, estão lutando com a Netflix pelo tempo e dinheiro dos consumidores.

 

(Com informações da CNN)

 

 

 

 

 

Publicidade
Curso de Inglês Marcondes