Um grupo de motoristas do Metrobus permanece em greve nesta segunda-feira (4), marcando a segunda semana de interrupções para os passageiros de ônibus da Virgínia. A paralisação foi anunciada em 23 de outubro, com restrições nas linhas de ônibus começando na manhã seguinte.

As rotas 17, 18 e 29 estão entre as mais impactadas pela greve. Elas são operadas pela Transdev, uma empresa privada contratada pelo Metro para operar sua linha de ônibus Cinder Bed Road em Lorton, Virgínia.

Os trabalhadores exigem que a Transdev os pague da mesma forma que outros motoristas da Metrobus na área. O sindicato laboral acusou os gerentes da empresa de se afastarem da mesa de negociações.

Publicidade

As tratativas entre a entidade sindical e a Transdev estão em andamento há vários meses. Em agosto, uma greve semelhante foi evitada por pouco quando as negociações ameaçaram estagnar. O sindicato planeja realizar um comício no meio da semana em frente à sede do Metro em Downtown, DC.

 

(Com informações de WTop)

 

 

Publicidade
Curso Design de Cobrancelhas